Segunda, 16 de Maio de 2022 14:52
Cidades PRF

PRF recolheu mais de 220 animais soltos em rodovias federais paraibanas nos primeiros dias de 2022, principalmente no Sertão

PRF recolheu mais de 220 animais soltos em rodovias federais paraibanas nos primeiros dias de 2022, principalmente no Sertão

19/01/2022 15h57
17.759
Por: Gilberto Martins Fonte: tvsabugi
PRF recolheu mais de 220 animais soltos em rodovias federais paraibanas nos primeiros dias de 2022, principalmente no Sertão

O principal objetivo é proteger a vida e a integridade dos motoristas e ocupantes dos veículos que trafegam nas estradas, além de evitar que animais sejam mortos em virtude de acidentes de trânsito.

É sabido que a presença de um animal solto às margens da rodovia pode ocasionar grandes tragédias. Na maioria das situações o motorista consegue avistar o animal quando já está muito próximo ao veículo, não havendo tempo de reagir ou ocorrendo reações por reflexo, que causam acidentes graves.

Nos primeiros 18 dias de 2022, a PRF já recolheu 223 animais que estavam soltos às margens das rodovias federais que cortam a Paraíba, principalmente no sertão do estado. As equipes percorrem, incansavelmente, 694 km de rodovias averiguando se há animais soltos para transportá-los a um local adequado.

O trabalho é realizado em parceria com a Prefeitura Municipal de Patos, que possui local seguro e adequado para receber os animais recolhidos pelas equipes policiais.

A PRF alerta que o dono ou detentor do animal solto responderá, inclusive criminalmente, pelos danos causados. Na hipótese de acidente de trânsito, o responsável responde por omissão quanto aos cuidados necessários que deveria ter com o animal.

A PRF recomenda que, ao avistar um animal solto na rodovia, o motorista:

 
  • Reduza a velocidade de forma segura;
  • Jamais utilize buzina ou ligue os faróis no modo intenso;
  • Desvie por trás do animal para que o mesmo não se assuste e apresente uma reação inesperada que coloque em risco a vida de todos no veículo;
  • Se for trafegar à noite, principalmente em locais onde existam placas que indiquem o risco de animais na pista, deverá redobrar a atenção;
  • É importante que o motorista também informe, através do telefone 191, o local aproximado onde o animal foi visto para que as equipes policiais possam providenciar o seu recolhimento a um local seguro e adequado.

Assessoria/PRF