Quarta, 28 de Julho de 2021 99 99999-9999
Polícia Preso

DJ Ivis é preso em Fortaleza após agressões contra ex-mulher

DJ Ivis é preso em Fortaleza após agressões contra ex-mulher

14/07/2021 20h16
22.057
Por: Gilberto Martins Fonte: tvsabugi
DJ Ivis é preso em Fortaleza após agressões contra ex-mulher

O cantor DJ Ivis foi preso nesta quarta-feira (14) em Fortaleza após os vídeos de agressões contra a ex-mulher, Pamella Holanda, serem divulgados por ela nas redes sociais. O governador Camilo Santana confirmou a prisão do artista por meio das redes sociais.

“Acabo de ser informado pelo nosso secretário de Segurança da prisão do DJ Ivis, no caso das agressões a Pamella Holanda. A prisão preventiva havia sido solicitada ontem pela nossa Polícia Civil e decretada há pouco pela Justiça. Que responda pelo crime cometido”, publicou Camilo.

A digital influencer Pamella Holanda, ex-mulher de DJ Ivis, vai ser submetida a um novo exame de corpo de delito para que seja definida a gravidade das lesões sofridas após as agressões do artista. No último domingo, Pamela publicou vídeos em que leva chutes, socos e puxões de Cabedelo durante uma briga do casal e fez BO em 3 de julho na delegacia da cidade de Eusébio, na Grande Fortaleza.

O delegado adjunto do distrito que investiga o caso, Tarso Facó, informou sobre o novo exame nesta quarta-feira (14), quando mais uma testemunha do casal foi ouvida.

Pamella saiu do primeiro depoimento, na segunda-feira (12), com a documentação necessária para que, em 30 dias, um novo exame seja realizado com relação às agressões, de acordo com Facó.

Funcionária do casal é ouvida

A série de depoimentos prestados à Polícia Civil do Ceará continuou nesta quarta-feira (14) com o depoimento de Maria Vaneide da Silva, então funcionária do casal. Ela trabalhava como doméstica na residência deles e pode ajudar na obtenção de informações sobre as violações cometidas pelo produtor musical.

Ela não foi convocada para depor, mas compareceu espontaneamente à Delegacia Metropolitana de Eusébio, na Região Metropolitana de Fortaleza.

Até esta quarta, pelo menos 10 pessoas já foram ouvidas pelas autoridades policiais que investigam o caso de lesão corporal no contexto de violência doméstica contra Pamella Holanda. O caso é acompanhado pelo Departamento de Proteção aos Grupos Vulneráveis (DPGV) da Polícia Civil.

Homem que aparece no vídeo vai à delegacia

Nesta terça-feira (13), um funcionário que aparece no vídeo prestou depoimento. No domingo (11), Ivis publicou vídeos nas redes sociais revelando que o homem é um funcionário que ele trouxe da Paraíba ao Ceará.

“Eu trouxe ele da Paraíba para cá porque eu não aguentava mais sofrer sozinho”, explicou o artista. A mãe de Pamella Holanda também aparece nos vídeos, mas ainda não há confirmação se ela foi ouvida pelas autoridades policiais.

ESSA MULHER [QUE APARECE NO VÍDEO] É A MINHA MÃE, E ELA NÃO ESBOÇA NENHUMA REAÇÃO PORQUE ELA TINHA MEDO. EU NUNCA CONTEI PRA ELA [SOBRE AS AGRESSÕES], ELA CHEGOU A SABER PRESENCIANDO.”

Pamella comenta agressões

Vídeos mostram que DJ Ivis agrediu a ex-mulher Pamella Holanda — Foto: Reprodução/Instagram/DJIvis, Pamella Holanda

Vídeos mostram que DJ Ivis agrediu a ex-mulher Pamella Holanda — Foto: Reprodução/Instagram/DJIvis, Pamella Holanda

Pamella afirmou nesta terça-feira (13), em entrevista ao “Encontro com Fátima Bernardes“, que foi agredida pelo músico porque amamentou a filha quando estava diagnosticada com Covid-19. Pamella afirmou que foi orientada por seus médicos a seguir amamentando a criança, mas o cantor era contra.

“A MEL TINHA QUASE UM MÊS. NAQUELA OCASIÃO EU ESTAVA COM COVID, E TODOS OS MÉDICOS ME ACONSELHAVAM A AMAMENTAR. ELE NÃO QUERIA. [ELE QUERIA] QUE EU NÃO AMAMENTASSE PORQUE DISSE QUE EU IA PASSAR COVID”, DISSE PAMELLA.

Especialistas afirmam que não há evidência de que o leite materno transmite o vírus da Covid. Mulheres com suspeita ou confirmação podem manter a amamentação, desde que sigam recomendação de higiene e dos seus médicos.

Após a repercussão das imagens, Ivis foi demitido de produtora em que trabalhava. Pamella recebeu apoio de famosos em manifestações nas redes sociais (leia comentários). 

Medo e dependência financeira

No “Encontro”, Pamella afirmou que sofria agressões desde que estava grávida. Ela disse que não havia denunciado o caso antes porque tinha medo das reações que o DJ Ivis poderia ter e por dependência financeira.

Ela também disse que, antes de divulgar os vídeos, tentou “justificar” as agressões para si mesma pensando que aquilo fazia parte do temperamento dele.


G1